6 ações de branding experience para você se inspirar

ações de branding experience
7 minutos para ler

O ser humano tem a necessidade intrínseca de fazer conexões com os outros. As pessoas adoram se juntar em tribos, basta encontrar o local certo para que isso aconteça e promover ações de branding experience.

Olhe para lugares como a Starbucks: como empresa, ela entende que o cliente não quer apenas tomar café, mas um espaço para se relacionar com amigos, ler um livro ou trabalhar sossegado.

Neste post, vamos falar por que é importante adotar uma estratégia eficiente e dar 6 exemplos de ações para você ter insights incríveis. Leia na íntegra.

Importância de adotar ações de branding experience

Segundo uma pesquisa da Harvard Business Review, 93% dos entrevistados concordam que, em poucos anos, fornecer uma experiência relevante e confiante para o cliente será fundamental para o desempenho geral do negócio. 

A marca abrange mais do que apenas a criação de um logotipo ou a implementação de cores e tipos de letra. Ela tem potencial de ir além dos elementos visuais. 

Toda experiência que o consumidor tem com a marca traz uma visão da própria empresa, é um entendimento, uma percepção, uma sensação. Por isso, construir e fortalecer a identidade do negócio é um processo que envolve estratégia, mas não qualquer estratégia.

As ações devem ser capazes de incorporar experiências únicas que nenhum concorrente pode replicar. Com um plano consistente, é possível gerar confiança no público e se tornar um nome memorável.

6 exemplos para você se inspirar

Se você pensa em dar um novo significado às suas campanhas, confira as ideias.

1. Final de campeonato promovido pela Heineken

O que você faria para agradar o seu público a ponto de ele lembrar de você por muito tempo? A Heineken transmitiu a final da Champions League (Liga dos Campeões da Europa) em telão no Pacaembu em maio de 2019.

O principal objetivo da campanha da marca foi garantir que os fãs de futebol acompanhassem cada lance da partida bem de perto. O campeonato também foi exibido em salas de cinema por todo o país com a tecnologia Cinelive em redes como: Cinemark, Cinépolis, Kinoplex e UCI.

2. Viagens com Realidade Virtual (RV) dos Hotéis Marriot

As tecnologias modernas estão transformando quase todos os domínios na experiência do cliente para os negócios. A realidade virtual é uma delas e está transformando o cenário do branding, pois envolve o cliente com uma experiência sensorial completa. 

A rede internacional de Hotéis Marriott está transportando pessoas para outros locais de forma física ou experimental. A marca está usando a RV para aumentar a demanda pelos pacotes de viagens. A ideia é fazer com que os potenciais clientes participem de uma simulação realista com passeios paradisíacos sem sair da cadeira. 

3. Teste drive imersivo no automóvel da Volvo

A Volvo, empresa automotiva sueca, ofereceu um test drive do novo XC90 SUV por meio do aplicativo Volvo Reality. Com isso, o consumidor experimentou dirigir o carro na estrada em Vancouver, com ou sem o uso dos óculos especiais Google Cardboard. Isso ajudou a criar uma antecipação para a experiência com o automóvel. 

4. Inovações diversas com Internet das coisas (IoT)

Quando se trata de pessoas, dados e IoT andam de mãos dadas, pois permitem que os dispositivos estruturem e desenvolvam tendências precisas com base nas preferências do usuário. Veja os dispositivos lançados pelo Google. Alexa permite tocar música, fazer perguntas e usar a função de pesquisa de longo alcance da empresa. 

Não é de surpreender que essa tecnologia esteja começando a impactar quase todos os setores. Empresas como Amazon, Google e Facebook continuam a implementar produtos inovadores porque entendem que esse é o caminho para reter e desenvolver uma forte base de clientes. 

Embora tudo isso seja importante, principalmente quando bem executado e ao estabelecer confiança no uso de dados, o poder real da Internet das Coisas no branding reside na capacidade de os profissionais de marketing em pensar fora da caixa e otimizar para seus clientes de forma muito mais ampla, independentemente de pontos de contato ou estágios no ciclo de vida do cliente.

Melhor escuta e engajamento são o começo. Bom serviço é visto como básico. Experiência excelente de ponta a ponta é outra coisa. Por meio dela, é possível desempenhar um papel, não apenas no contexto da Internet das Coisas do consumidor, mas também em aplicativos onde dá para criar valor.

Por exemplo: com que frequência você procura uma vaga de estacionamento em torno do shopping ou da sua loja favorita? Não seria mais fácil se a marca em questão criasse uma maneira simples e econômica de permitir que os clientes visualizassem os lugares disponíveis para guardar o carro enquanto fazem as compras?

Ou o que dizer de soluções de embalagens inteligentes? Desenvolver aplicativos que permitem conectar produtos específicos de um jeito que os consumidores nunca experimentaram antes?

5. Padrão de qualidade nos serviços da Amazon

A experiência de compra da Amazon é, praticamente, incomparável. Ela se destaca em muitos quesitos, sobretudo por deixar bem claro o que acontecerá quando você clicar em determinado botão. Uma das chaves para reduzir o atrito no processo de tomada de decisão do consumidor é fornecer todas as informações que precisam, rapidamente, facilitando a conversão.

Quando as marcas não conseguem explicar coisas como prazos de entrega ou custos de envio, estão colocando bloqueadores no caminho da venda. Se você está sempre procurando uma marca para imitar quando se trata de mensagens claras e apelos à ação convincentes, procure a Amazon em busca de inspiração.

6. Personalização da magia para o mundo real da Disney

Não é incomum que as marcas ofereçam experiências personalizadas nos sites e em todo o marketing. Mas a mágica acontece quando essa interação se infiltra nas experiências do mundo real. O aplicativo móvel Disney MyMagic + não apenas permite que os clientes configurem e planejem suas viagens, mas durante o tempo que passam no parque, adiciona um toque pessoal.

Quando passam por uma tela, o nome das pessoas ou fotos tiradas enquanto estavam em uma viagem podem aparecer no aplicativo. Esse nível de experiência integrada do cliente físico e digital permite que a Disney se destaque da multidão. À medida que o recurso se torna mais comum, outras marcas vão desenvolvendo outros. Isso é inovação.

Não existe uma fórmula certa para projetar as melhores ações de branding experience. No entanto, vemos alguns exemplos brilhantes de experiência de marca por aí. Antes de planejar um evento, analise objetivos, recursos e elementos estimulantes. Interações memoráveis ​​entre você e seu cliente farão com que as pessoas falem, promovam um envolvimento mais profundo e inspirem os outros a agirem também.

Este artigo foi útil para você? Compartilhe-o nas redes sociais para que seus amigos possam ler também.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-