7 principais tendências em eventos que vieram para ficar em 2020

tendencias em eventos
6 minutos para ler

Com consumidores cada vez mais engajados, o mercado está repleto de tendências em eventos que vieram para ficar em 2020. Afinal de contas, oferecer uma experiência diferenciada é transformar os momentos vividos em acontecimentos especiais.

O segredo do sucesso, nesse caso, está em investir em inovações que agreguem valor e criem um relacionamento de confiança capaz de destacar qualquer negócio da concorrência. Só assim será possível se manter atualizado com o setor e compreender as necessidades dos clientes.

Quer saber mais? Então, continue a leitura e confira 7 tendências em eventos que prometem movimentar o mercado em 2020. Acompanhe!

1. Reconhecimento facial

Esse tipo de inovação tecnológica é o segredo para combinar praticidade com algo que surpreenda os participantes do evento. Usado na etapa do credenciamento, o reconhecimento facial cria uma experiência positiva logo de cara para estimular o engajamento durante a apresentação do conteúdo.

O processo funciona da mesma maneira da marcação automática de rostos nas redes sociais. Além disso, costuma ser bastante usado em áreas que exigem um sistema diferenciado de segurança, como aeroportos ou divisas de fronteiras.

A grande vantagem está na redução significativa da fila de espera e na eliminação do desconforto para quem esquece o ticket de entrada em casa, por exemplo. No entanto, é fundamental que a empresa responsável pela organização solicite a permissão da coleta de dados e deixe bem claro que utilizar o recurso é opcional.

2. Integração de dados

A inteligência responsável pela integração de dados é uma tendência que chegou para revolucionar a participação do público em eventos. Por facilitar as ações no meio corporativo, seu crescimento promete ser extremamente acelerado nos próximos anos em empresas de todos os portes.

Na prática, essa inovação usa ferramentas para coletar dados dos participantes com a intenção de expandir as estratégias que trazem aproximação entre a marca e quem está participando do evento. Além disso, ao avaliar os resultados obtidos, ainda é possível criar conteúdos direcionados de acordo com as preferências da audiência.

Ao ser bem usada pelos organizados, a tecnologia faz com que cada um tenha uma experiência personalizada e se identifique com o conceito da empresa. Basta um simples levantamento de dados para encontrar uma linguagem segmentada que gere identificação imediata.

3. Produção de conteúdo em parceria com influenciadores digitais

Se você está por dentro do que acontece no YouTube, certamente, já notou o crescimento dos influenciadores digitais. Essas figuras idolatradas na internet são os responsáveis por aumentar os lucros das marcas ao mostrarem novos produtos que têm potencial de se tornarem febres nas mãos do seu público-alvo.

Por conta disso, os eventos corporativos estão imersos no que acontece no universo virtual diante das estratégias do marketing de influência. O grande segredo, nesse caso, é construir algo que tenha relevância para alcançar os objetivos iniciais do trabalho.

Por exemplo, de nada adianta fazer uma parceira com uma blogueira de beleza em uma palestra sobre a indústria farmacêutica. Ao encontrar as conexões exatas, priorize opções que tenham credibilidade para que sua empresa seja vista de maneira positiva em longo prazo.

4. Live Marketing

Essa estratégia é um grande sucesso nos eventos corporativos pelos excelentes resultados que proporciona. Tudo isso se deve ao conceito de realizar ações de marketing “ao vivo”, permitindo uma aproximação completa com o consumidor. O objetivo gira em torno de promover a compreensão completa e diferenciada de serviços ou produtos oferecidos.

Pare um minuto e busque em suas memórias, sem muito esforço será possível se lembrar de uma ação tão encantadora que o fez se tornar fã de uma marca por ter gerado encantamento ao transmitir a mensagem com criatividade.

Um exemplo disso é a entrega de experiência sensoriais marcantes que atravessam o tempo na memória das pessoas. A Coca-Cola, muito famosa por seus cases segmentados, criou o espaço do fã no Rock in Rio. A ideia era colocar 50 fãs ao lado de 12 músicos renomados para se apresentar no local. Com isso, o karaokê que fazia os testes se tornou disputadíssimo e a ideia um grande sucesso.

5. Sustentabilidade

Com os consumidores cada vez mais conscientes diante de suas responsabilidades em relação ao meio ambiente, as marcas precisam se engajar ao conceito de sustentabilidade. De fato, ignorar questões como o uso de poluentes no formato da entrega, excesso de plástico nas embalagens e testes em animais não são mais tolerados pelo mercado e fazem com que uma empresa seja esquecida.

Diante disso, ao adotar práticas conscientes é necessário criar uma campanha dentro desse estilo para os eventos corporativos. Inclua esse tema no branding para que isso se torne uma marca registrada positiva capaz de expressar os valores de um negócio de maneira significativa. Veja,a seguir, algumas tendências:

  • pedir doações de alimentos no acesso ao evento para fazer doações posteriores;
  • usar energia solar no local do evento;
  • usar materiais recicláveis;
  • oferecer brindes ecológicos, como ecobags, sementes de plantas e kits verdes.

6. Equilíbrio entre o universo on-line e off-line

Por mais que o mundo digital seja incrível na visão dos consumidores, existe uma boa fatia que ainda valoriza as experiências off-line. Por esse motivo, para criar dinâmicas equilibradas em eventos, é fundamental que as empresas consigam engajamento com algo que se desligue completamente e faça refletir de maneira criativa.

Propor dinâmicas para que os participantes interajam entre si faz muita diferença nos resultados. Assim, eles conseguem deixar as preocupações de lado para se conectarem completamente com o presente e concluir todo o processo de decisão de compra, por exemplo.

7. Aplicativos de gestão de eventos

As ferramentas que permitem agilizar o trabalho dos organizadores e a participação do público são indispensáveis no mercado de eventos corporativos. Por esse motivo, são esperados cada vez mais recursos para que todos aproveitem de maneira personalizada conforme as características de cada ação.

A grande vantagem, no entanto, está em trazer a sensação de organização impecável na visão do participante e otimizar o tempo de todos os envolvidos. Por meio de comandos simples acompanhados por coletas de dados, fica muito mais simples conhecer bem o perfil do público e mensurar a qualidade do conteúdo oferecido.

Pronto! Agora você já conhece as principais tendências em eventos. O mais importante é encontrar algo que se identifique com a proposta criada pela empresa e impressione o público em uma experiência marcante. Assim, ao valorizar a marca, o processo de confiança entre ambas as partes promove engajamento e fidelização.

Gostou das informações deste artigo? Então, entre em contato com a Outra Praia e receba todo o suporte necessário para criar experiências únicas para o seu evento.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-